quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Paz,
Imperdível
Encontro de Casais Hotel São Francisco
Rua Visconde de Inhaúma, 95 - Centro, Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Maiores informações (21) 2121-1212 - 21-3173-8128 - 021-97983-4170
Faça sua faça sua inscrição pelo site:http://www.ministerioamovc.com.br/
Dia, 07 de Maio 2016, inicio as 8:30 hs. / término 18:30 hs R$ 150,00 Casal.
Palestrantes: Pr Zaqueu Medeiros & Pra. Marlene Medeiros.
Conferencista na área de família.
Cofre black, Almoço e lanche.
Palestra, Dinâmica, sorteio etc

Qual será o segredo dos casamentos duradouros
👉🏻Casais que convivem há anos falam de amor, respeito, paciência, renúncia, cumplicidade, compreensão e perdão.
Na verdade, cada um tem sua fórmula especial, não é igual á uma receita de bolo que se copia e da certo. 
Lembre se, um bom casamento deve ser criado, os ingredientes são acrescentados dia a dia. No casamento, as pequenas coisas são as grandes coisas. É jamais ser muito velho para dar-se as mãos e andarem abraçados. É lembrar de dizer "eu te amo", pelo menos uma vez ao dia, é deixar um bilhete na cabiceira da cama ao sair, na porta da geladeira ou no espelho da pentiadeira. É nunca ir dormir zangado. É ter valores e objetivos comuns. É estar unidos ao enfrentar o mundo. É formar um círculo de amor que una toda a família. É proferir elogios e ter a capacidade para perdoar e esquecer. É proporcionar uma atmosfera onde cada qual possa crescer na busca recíproca do bem e do belo. É não só casar-se com a pessoa certa, mas ser o companheiro perfeito." E para ser o companheiro perfeito é preciso ter bom humor e otimismo. Ser natural e saber agir com tato. É saber escutar com atenção, sem interromper a cada instante. É mostrar admiração e confiança, interessando-se pelos problemas e atividades do outro. É Perguntar o que o atormenta, o que o deixa feliz, por que está aborrecido. É ser discreto, sabendo o momento de deixar o companheiro a sós para que coloque em ordem seus pensamentos. É distribuir carinho e compreensão, combinando amor e poesia, sem esquecer galanteios e cortesia. É ter sabedoria para repetir os momentos do namoro. Aqueles momentos mágicos em que a orquestra do mundo parecia tocar somente para os dois. É ser o apoio diante dos demais. É ter cuidado no linguajar, é ser firme e leal. É ter atenção além do trivial e conseguir descobrir quando um se tiver trabalhando na apresentação para o outro. Um novo corte de cabelo, uma vestimenta diferente, detalhes pequenos mas importantes. É saber dar atenção para a família do outro pois, ao se unir o casal, as duas famílias formam uma unidade. É cultivar o desejo constante de superação. É responder dignamente e de forma justa por todos os atos. É ser grato por tudo o que um significa na vida do outro. O amor real, por manter as suas raízes no equilíbrio, vai se firmando dia a dia, através da convivência estreita. O amor, nascido de uma vivência progressiva e madura, não tende a acabar, mas amplia-se, uma vez que os envolvidos passam a conhecer vícios e virtudes, manias e costumes de um e de outro. O equilíbrio do amor promove a prática da justiça e da bondade, da cooperação e do senso de dever, da afetividade e advertência amadurecida.
🙌🏼 DEUS ABENÇOE SEU LAR E SUA FAMÍLIA

🌹Família investimento Precioso🌹
A ORAÇÃO É A LINGUAGEM SUPREMA DO AMOR."
Quando você ora por seu marido, o amor de Deus por ele irá crescer em seu coração. Você irá descobrir também o amor por você crescendo no coração dele, sem que ele saiba sequer que você está orando a seu favor.
É por isso que a oração é a linguagem suprema do amor.
Ela consegue comunicar-se de uma forma como nós não conseguiríamos.
Já vimos mulheres que não sentiam mais amor pelo marido descobrirem que esses sentimentos vieram com o tempo, à medida que oravam. Algumas vezes elas se sentiram diferentes logo depois da primeira oração sincera.
Falar com Deus sobre o seu marido é um ato de amor. A oração dá lugar ao amor, que gera mais oração, que, por sua vez, dá lugar a mais amor. Mesmo que a sua oração não seja feita por motivos completamente generosos, eles irão tornar-se menos egoístas à medida que a oração continuar. Você irá perceber que está sendo mais amorosa em suas reações. Notará que os problemas que antes provocavam conflitos e discursões entre ambos deixarão de ocorrer.
Vocês chegarão a acordos mútuos sem discutir. Esta unidade é vital. Quando não estamos unidos no próposito de Deus, tudo desmorona.
📖 Mateus 12:25
Jesus disse: Todo reino dividido contra si mesmo ficará deserto, e toda cidade, ou casa, dividida contra si mesma, não subsistirá.
Provérbios 14:1
"A mulher sábia edifica a sua casa, mais a tola com suas próprias mãos a derruba."

📖 1Pedro 3:1
" Semelhantemente vós, mulheres, sede submissas a vossos maridos; para que também, se alguns deles não obedecem à palavra, sejam ganhos sem palavra pelo procedimento de suas mulheres."
👉🏽Não desista do seu conjugê, ore por ele, e confie no Deus de milagres, cura e restauração.
👉🏽A sua família é projeto de Deus!
Deus abençoe você!

🌹Família Investimento Precioso🌹
Sua família NÃO é um caso perdido ou difícil demais para Deus: Ele quer e vai restaurar o seu casamento
Restauração Familiar
(Gênesis 37:4-11, 47:1-4 e 12-13; Atos 16:31)
A promessa do Senhor é que a benção que está sobre nós se estenderá sobre as nossas famílias. A obra iniciada em nós se estenderá sobre os nossos amados, e a restauração completa se estabelecerá sobre os nossos lares. O plano original de Deus para o homem era uma família, pois não era bom que ele estivesse só.
Um detalhe interessante na criação é que Deus só descansou após ter criado Eva e completado a visão de família. O intento do diabo desde o início é roubar e distorcer a verdade de Deus para as nossas vidas. Por isso temos vivido um tempo onde grandes ataques têm se levantando contra a família. Casamentos destruídos, violência, abusos, vícios, adultério, são algumas situações que infelizmente tem se tornado comum em nossos dias, mas o Senhor colocará sobre nós a unção que despedaçará todo o jugo de destruição familiar.
A vida de José foi marcada por oposições e traições. Ele enfrentou uma série de dificuldades, pois Deus tinha um plano de salvação para sua família e para sua descendência. Debaixo de uma conduta irrepreensível, a despeito dos lugares e das circunstâncias, ele permaneceu firme até que Deus o restaurasse e o colocasse em honra, numa posição que foi fundamental para que os seus amados fossem livres da fome que assolava Canaã.
Seguindo o exemplo de conduta de José, nós também seremos uma grande benção para as nossas famílias e para todos os que estão a nossa volta.
O EXEMPLO DE JOSÉ
1. Enfrentar a oposição familiar sabendo que a nossa luta não é contra a carne "E viram-no de longe e, antes que chegasse a eles, conspiraram contra ele para o matarem. E disseram um ao outro: Eis lá vem o sonhador-mor! Vinde, pois, agora, e matemo-lo, e lancemo-lo numa destas covas, e diremos: Uma fera o comeu; e veremos que será dos seus sonhos." – Gn 37:18 a 20
José enfrentou uma oposição dentro do seu lar que quase o levou a morte. Seus irmãos não aceitavam aquilo que os seus sonhos declaravam, ou seja, que eles um dia viriam a se curvar diante dele. Muitos de nós temos passado por grandes perseguições dentro dos nossos lares, seja pelos nossos pais, irmãos, esposos ou esposas. O próprio Jesus já havia previsto isto: "Não penseis que vim trazer paz à terra; não vim trazer paz, mas espada. Pois vim causar divisão entre o homem e seu pai; entre a filha e sua mãe, e entre a nora e sua sogra. Assim os inimigos do homem serão os da sua própria casa." – Mt 10:34-36.
Eles ainda não compreendem que os sonhos que temos para o nosso lar não são para nossa exaltação, mas que Deus quer nos usar como instrumentos de salvação e benção para nossa família. Nossa luta não é contra a carne. Não adianta tentarmos vencer com palavras ou discussões. Mesmo diante das perseguições devemos perseverar crendo, pois no tempo do Senhor aqueles que nos perseguiam e queriam matar os nossos sonhos, serão aqueles que receberão o livramento através de nossas vidas, assim como foi com José.
2. Enfrentar o tempo de servidão crendo que é temporário, e que serve de habilitação para o resgate de nossa casa Gn 39:1-5 - "E José foi levado ao Egito, e Potifar, oficial de Faraó, capitão da guarda, homem egípcio, comprou-o da mão dos ismaelitas que o tinham levado lá. E o Senhor estava com José, e foi homem próspero; e estava na casa de seu Senhor egípcio. Vendo, pois, o seu Senhor que o Senhor estava com ele, e tudo o que fazia o Senhor prosperava em sua mão, José achou graça em seus olhos, e servia-o; e ele o pôs sobre a sua casa, e entregou na sua mão tudo o que tinha. E aconteceu que, desde que o pusera sobre a sua casa e sobre tudo o que tinha, o Senhor abençoou a casa do egípcio por amor de José; e a bênção do Senhor foi sobre tudo o que tinha, na casa e no campo."
Logo após ser traído por seus irmãos, José foi vendido como escravo. Ali começava um tempo muito difícil em sua vida: o tempo da servidão. Aqueles que o vissem nessa condição, sabendo dos sonhos que ele havia tido, poderiam dizer: "E agora? Será que os teus pais e irmãos se curvarão diante de um escravo? Será que você será instrumento de salvação para tua casa? Veja a condição em que você se encontra: escravo em uma terra estranha". Talvez seja isso que temos ouvido dentro dos nossos lares:"Você agora virou crente, mas continua desempregado?"; "Você precisa ajudar em casa senão vai ter que se virar sozinho"; "Você só pensa nessa história de igreja, e tua vida profissional? E teus estudos?". Talvez nossa condição atual seja totalmente incoerente com o que temos sonhado, mas a Palavra do Senhor não volta vazia e não volta atrás, pois Ele tem um grande livramento para tua vida. Batalhe e trabalhe muito mais do que antes, honre teu patrão, busque se aperfeiçoar e crescer, e saiba que assim como José você vai ser próspero mesmo em meio a servidão, e teus familiares e todos os que te cercam serão abençoados através da tua vida.
3. Enfrentar as injustiças e calúnias, pois a despeito das prisões de hoje, Deus tem o restabelecer da nossa honra – Gn 39:7-23 José passou por mais um momento muito difícil em sua vida, sendo acusado de tentar violentar a esposa de seu Senhor. É muito difícil ser injustiçado, pois sermos acusados de algo que não fizemos gera em nós um sentimento de revolta. Quando dizem algo de nós que não corresponde a verdade há um anseio natural por esclarecer a situação o mais rápido possível. O que vemos na vida de José é que em primeiro lugar ele fugiu do pecado, pois sabia que aquela brecha poderia ser fatal para o seu futuro e o de seus familiares. Assim também temos que fugir das tentações para que possamos ser um bom testemunho para aqueles que nos cercam. Em segundo lugar ele se manteve fiel ao Senhor, sem revolta, mas em paz, pois mesmo na prisão ele prosperou.
Uma das armas do inimigo é a acusação, e é muito comum que ouçamos acusações de nossos familiares, de nossos amigos que não conhecem a Jesus: Você é cristão, mas ainda faz isso? Você vai a igreja todo o dia e tem essa reação? É muito comum que estas pessoas esperem exatamente uma falha nossa para justificar a sua rejeição a Palavra. Por isso é tempo de buscarmos do Senhor a libertação para todas as áreas que ainda nos prendem e termos uma conduta irrepreensível, para que sejamos sal e luz em nossos lares.
O PROCESSO DE RESTAURAÇÃO
O Senhor tinha algo muito especial preparado para José. Temos nele um exemplo de fidelidade e esperança, pois mesmo em meio a tamanhas dificuldades, ele não se deixou abater, mas permaneceu firme, sabendo que quem lhe havia feito a promessa é fiel. Depois de um tempo de aflições, aproximadamente 13 anos, finalmente inicia-se em sua vida um maravilhoso processo de Deus:
1. Viver a restauração plena dos relacionamentos – Gn. 41:14,38-44
O nosso Deus é um Deus de restauração. Para tudo aquilo que o inimigo imaginava ter tirado ou destruído na vida de José, o Senhor já havia preparado uma grande reconstrução, pois um lugar de honra estava preparado para ele. Assim também Ele vai te levantar de uma forma nova, restaurado, e vai te colocar num lugar de honra, numa posição que vai te habilitar para que você seja instrumento de libertação e salvação para os teus amados.
2. Viver a liberação total dos sentimentos familiares através do perdão, esquecendo as mágoas do passado – Gn. 50:15-21
Apesar de todo o mal que seus irmãos intentaram contra ele, José os perdoou e os abençoou. Da mesma forma, temos que entender que aqueles que têm nos afrontado e perseguido virão a nossa presença para nos pedirem perdão. As pessoas podem até falar mal, nos caluniar e intentar o mal contra nós, mas na hora da aflição elas virão nos procurar. Temos que ter em nossos corações o mesmo sentimento de José, para não deixarmos que nenhuma mágoa permaneça em nossos corações, pois devemos entender a fraqueza daqueles que nos tem afrontado, pois estes não entendem as coisas espirituais e agem ainda segundo os padrões naturais.
3. Viver a benção de Abraão e contemplar a salvação dos nossos familiares – Gn. 45:5-11; 46:2-4
Deus tinha um grande e maravilhoso plano para o povo de Israel. As promessas feitas a Abraão seriam cumpridas a despeito de tudo. Por isso Ele na sua infinita sabedoria preparou a ida de José ao Egito, para que toda a família de Jacó e seus servos fossem salvos da fome que assolava a terra. Da mesma maneira seremos instrumentos de salvação, de provisão e libertação para todos aqueles que nos cercam nos posicionando como José, permanecendo firmados nas promessas, pois a palavra de At. 16:31 se cumprirá em nossas vidas.

Por www.levandoapalavra.com

terça-feira, 15 de dezembro de 2015

NAMORO, NOIVADO, CASAMENTO.
DICAS PARA VER SE O NAMORO É DA VONTADE DE DEUS

Cinco dicas para saber se o namoro é da vontade de Deus
Muitas pessoas carregam no coração uma grande dúvida com relação à vida sentimental. Ou seja, como saber se esta ou aquela pessoa é a que Deus separou para mim? Como saber se este namoro é de Deus? Venho fornecer algumas dicas a este respeito. São dicas baseadas em experiências e orientações contidas na Palavra de Deus.

1ª dica – Os Frutos - Como disse Jesus, uma boa árvore se conhece pelos frutos “Portanto, pelos seus frutos o conhecereis” (Mateus 7:20). Assim, veja se o rapaz ou a moça é um servo de Deus, analise o seu comportamento, a sua vida com o Senhor. Cuidado, pois existem muitos lobos vestidos de ovelhas. Certa vez eu namorei um rapaz e chegamos a ficar noivos. No começo ele me acompanhava no trabalho da igreja. Depois que ficamos noivos, disse que precisávamos dar um tempo da igreja e começou a querer me impedir de exercer meu ministério. Ou seja, começou a apresentar maus frutos. Eu então decidi terminar o namoro embora gostasse muito dele. Melhor fazer a vontade de Deus do que fazer a vontade dos homens, não é mesmo? Assim, ao namorar alguém precisamos verificar com atenção os seus frutos. É preciso tomar cuidado quanto a isto, pois muitas vezes, por estarmos envolvidos sentimentalmente, não prestamos a atenção neste aspecto. Criamos uma certa ilusão e nos esquecemos de analisar os frutos da pessoa. Por este motivo, analise friamente os frutos da pessoa que está se envolvendo. Veja a sua vida na igreja e especialmente em casa, se é um bom filho ou boa filha, analise também o seu comportamento profissional, etc. É muito fácil ser cristão na igreja, os verdadeiros frutos são revelados no dia a dia, nos bastidores.

2ª Dica – A paz - A Palavra de Deus diz que a “paz” deve ser o árbitro em nossos corações “Seja paz de Cristo o árbitro em vosso coração” (Col. 3:15). O árbitro é aquele que resolve uma questão, que direciona. Ou seja, a paz deve ser o indicativo se o relacionamento é ou não da vontade de Deus. Assim, se o namoro é algo que rouba paz, que leva a pessoa a ficar distante de Deus, que traz inquietação, perturbação, cuidado pois há algo de errado. Lutas e obstáculos sempre existirão, enfim, lutas externas e até desentendimentos esporádicos causados por diferenças de opiniões. Todavia, se o relacionamento rouba a sua paz interior, especialmente a sua comunhão com Deus é um grande indício que de o Senhor não está nesse relacionamento.

3ª dica – É paixão ou amor? - Um outro aspecto relevante é questão da diferença entre amor e paixão. Às vezes nos envolvemos numa paixão e nos machucamos achando que é amor. Paixão é algo avassalador, que nos leva a perder a razão, a lógica e até o temor de Deus. O amor, ao contrário, já é um sentimento maduro, consciente, nasce aos poucos, se desenvolve com o tempo e vai se fortalecendo diante das dificuldades. A paixão á algo passageiro, não resiste à distância, esfria, não espera. O amor, ao contrário, permanece “o amor tudo sofre, tudo crê, tudo espera e tudo suporta” (I Cor. 13:07). O amor sabe esperar o momento certo para o sexo (o casamento). A paixão não, pois é pura emoção. Para exemplificar esta questão, cito, como exemplo, o sentimento de Amnon por Tamar (II Samuel 13) e o sentimento de Jacó por Raquel (Gênesis 29). Amnon se apaixonou por Tamar, sua irmã. Após ter tido relações sexuais com ela, a deixou friamente. Quantos jovens abandonam moças grávidas após satisfazer os seus desejos sexuais?! Jacó, por sua vez, amou a Raquel e o seu amor o fez esperar 7 anos até finalmente tê-la em seus braços. Além disso, trabalhou mais 7 anos para poder estar ao lado de sua amada definitivamente.

4ª dica – Enriquecimento – A Palavra de Deus afirma que a benção do Senhor enriquece e não acrescenta dores (Prov. 10:22). O namoro que é da vontade de Deus traz um enriquecimento mútuo. Ou seja, traz um enriquecimento na área espiritual, profissional, familiar, etc. Deus que ama e cuida de nós certamente colocará alguém em nosso caminho que nos abençoe, que tenha algo de bom a acrescentar em nossa vida, que nos ajude a dar continuidade aos nossos sonhos. Lamento muito quando vejo jovens se envolvendo sentimentalmente com pessoas que nada têm a acrescentar em suas vidas. Ao contrário, são pessoas que surgem para roubar a paz, o futuro e para trazer dor e destruição. O namoro, em caso como estes, se torna um verdadeiro sofrimento.

5ª dica – Convicção – Jesus certa vez disse que a palavra do cristão tem de ser sim, sim ou não, não e que tudo o que passar disso é de procedência do maligno (Mateus 5:37). Neste caso, o namoro aprovado por Deus é algo certo, definido e não indeciso. Quando o relacionamento é envolto por inseguranças e incertezas, algo está errado e precisa ser revisto, pois a dúvida não procede de Deus. Por isso, ao relacionar-se sentimentalmente com alguém é preciso pedir ao Senhor a confirmação sobre o namoro. Se não houver certeza, ore bastante e busque a direção de Deus e se preciso for, abra mão do relacionamento antes que alguém se machuque. Jamais se relacione com alguém sem que haja essa confirmação, essa convicção sobre os seus sentimentos. Entenda que um casamento é para toda vida. Afinal de contas, você está namorando pensando no futuro, fazendo planos para formar uma família. Se a sua visão é apenas ficar, passar o tempo, reavalie profundamente os seus conceitos, pois este não é o plano de Deus para o namoro.
Aos solteiros, aconselho a que não se atemorizem com o tempo, pois vale a pena esperar em Deus. E como descrito em Eclesiastes 3, existe um tempo determinado para todo propósito debaixo do céu. Assim, o melhor a fazer é buscar a Deus, crescer espiritualmente e profissionalmente. Enfim, adquirir maturidade em todos os aspectos para que quando chegar o tempo de construir uma família, você possa ter uma estabilidade espiritual, emocional e material.

Autora: Pastora Ioná Loureiro. Formada em Letras, autora de diversas reflexões bíblicas em sites evangélicos. Fonte Sexo

quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

APOIADORES AMOVC
JUNTE-SE A NÓS E JUNTOS CRESCEREMOS NO OBJETIVO DE ABENÇOAR VIDAS!
FAÇA PARTE DESSA PARCERIA, VEJA COMO:
Aplique nosso banner em sua página! Escolha o banner a sua preferencia (copie código abaixo) preencha formularia de cadastro, em breve estaremos ativando a parceria informando aplicação do banner em nossa página de APOIADORES Amo VC. Apoie esse Ministério e apoiaremos o seu!!!
<a href="http://ministeriodecasaisamovc.com/" target="_blank"><img alt="Portal Ministério Amo Vc - Portal de sua família" title="Portal Ministério Amo Vc - Portal de sua família" src="https://1.bp.blogspot.com/…/AAA…/W-yo3_vdXUU/s1600/amovc.png" border="0" width="300" height="400"/></a>

Facebook Ministerio Amovc   chega a UM MILHÃO de curtidas

Acesse https://www.facebook.com/ministeriode.casais/

o    Estamos MUUUUUUITO felizes! A páginaMinisterio Amovc no Facebook atingiu UM MILHÃO de curtidas 

o    Pr Zaqueu Medeiros & Pra. Marlene Medeiros

quinta-feira, 12 de novembro de 2015

Zaqueu Medeiros. Teólogo e Conferencista. É pastor, professor e escritor. membro da Igreja Assembleias de Deus - RJ . Atua como consultor familiar e palestrante em diversas áreas do relacionamento humano, visando sua estruturação e aperfeiçoamento.

segunda-feira, 2 de novembro de 2015

Conferência para Casais 2016

O EVENTO:
Esta é a Quarta Conferência de casais, onde esperamos você para receber uma palavra revelada sobre seu relacionamento.. 

AS MINISTRAÇÕES:
O Pr. Zaqueu Medeiros é pastor presidente do Ministério de Casais Amovc, Sede Rio de Janeiro-RJ
Os horários serão:
Sexta -Feira ás 19:30
Sábado ás 14:00
Domingo ás 8:00

AS INSCRIÇÕES:
Segunda a Sexta feira em horário comercial ou durante os Cultos.
Casal: R$55,00
Temas: Família Moderna. 

Maiores informações: Acesse http://www.ministeriodecasaisamovc.com/
Tel: 21-7863-5128 – 21-3173-8128
E-mail contato@ministeriodecasaisamovc.com, zaqueumarlene@gmail.com

Acampamento de casais 2016

Se o seu casamento precisa de apoio, incentivo e ser aconselhado na Palavra de Deus inscreva-se no acampamento para casais do ministério Amovc. As atividades e ministrações que serão aplicadas aos casais estão baseadas no tema “Familia Moderna ”. O acampamento acontecerá nos dias 22 e 23 de Julho, começando às 7:30 do sábado e terminando às 16 horas do domingo.
O evento será no Sitio Sonhos da família ). O valor da inscrição é R$ 300,00 e não inclui o transporte. Esse valor pode ser parcelado em 12 vezes no cartão de crédito por meio do site São apenas 35 vagas.
Informações e inscrições: (21) 3173-8128 / 021-9783-4170, e-mail: zaqueumarlene@gmail (Pra. Marlene Medeiros).
Acesse:http://ministeriodecasaisamovc.com/
Pr Zaqueu Medeiros & Pra. Marlene Medeiros.

SEMINÁRIO DE FAMÍLIA

SEMINÁRIO DE FAMÍLIA Visão Não existe família perfeita, mais sim uma família que vive em harmonia respeitando os direitos e deveres de cada um”. Quando cada membro da família entende o seu papel, então Deus encontra espaço para atuar de tal forma, que flui o amor, a harmonia, o respeito, a compreensão, o carinho, os momentos de alegrias, então vem a prosperidade, flui a paz, todos crescem espiritualmente, emocionalmente, em maturidade e a realização dos sonhos acontecem naturalmente porque durante os dias estão sendo semeados e cultivados na família. O Espírito Santo é a coluna principal que sustenta esse lar. (Deus é o Criador, Sustentador e Restaurador da família)

sexta-feira, 2 de outubro de 2015


Igreja Metodista Missionaria, Encontro de Casais 
Dias, 17 e 18 de Outubro 2015 as 16:00hs
Local: Nobre Palace Hotel
Rua Francisco Sá, 392, Teófilo Otoni - MG, 39800-127
Telefones, (33) 3521-5824, (33) 3522-2984- 033-8812-5388 – 
Pr. Jose Marcio, Irma Lucia OliveiraII
Acesse: http://ministeriodecasaisamovc.com/
Começa o mês de outubro e a campanha contra o câncer de mama, já consultou seu médico? já verificou sua mama hoje, fez exames de rotina?
https://youtu.be/a-Lk_dp_1BI
Pra. Marlene Medeiros, Irma Adriana Rodrigues Vitorino.

sábado, 12 de setembro de 2015

Casamento é:

Casamento é quando dois
se tornam um. E convívio e amizade.
É estarem juntos, agirem juntos fazerem atividade juntos e gostarem disso.

Casamento é compreensão, e ter consideração total em relação ao tempo, aos sentimentos e as preferências da outra pessoa.

Casamento é cuidar do outro e Se preocupar com ele. É se desdobrar para ter certeza qua a outra pessoa está bem.

Casamento é gentileza é dizer palavras ternas e as traduzir em ações.

Casamento é apoiar, é estar junto da pessoa amada em seus empreendimentos e projetos, nos momentos bons e ruins. É dar todo apoio geral tanto moral quanto físico e através de oração. É animar a pessoa a perseverar e incetiva-la quando ela se sente pra baixo.

Casamento é curvar para levantar o cônjuge e ser forte quando o outro é fraco.

Casamento é proteger seu cônjuge de dano físico e emocional.

Casamento é provisão, é fazer a sua parte para ter certeza que o outro tem o precisa . É fazer o que lhe cabe e trabalhar duro todos os dias.

É dar um passo a mais, mesmo que não se sinta a vontade para atender a necessidade do outro.

Casamento é sacrifício é dar tudo de se a pessoa que vc ama. É estar pronto para abrir mão de suas idéias e intenções para fazer o outro feliz.

É doar, se submeter, ceder é preferir a felicidade do outro a sua própria.

No casamento vc da e recebe, existe revezamento e o relacionamento depende dos dois.

É preciso se submeter, dar a outra pessoa a chance, viver, amar e aprender um com o outro..

Ser casado e um exercício de humildade.

Casamento é estar presente nas dificuldades e nos bons momentos de braços abertos e mãos estendidas para aceitar, ama, abraçar acalentar...


VALORIZANDO AS DIFERENÇAS
Suportem-se uns ao outros e perdoem as queixas que tiverem uns contra os outros. Colossenses 3.13
Muitas pessoas casadas ficam apavoradas com a diferença entre si, e fazem o possível para igualá-las, chegando até a ter fisionomias parecidas e a raciocinar de forma semelhante. No entanto, muitas vezes, o colorido de relacionamento pode ser dado exatamente pelas diferenças entre os cônjuges. Com esse enfoque em mente, as diferenças detectadas e entendidas podem ser tornar fascinantes e ser utilizadas para o bem do casal.
De todas as diferenças entre um casal (temperamento, personalidade, cultura, etc.), a área da comunicação é a mais importante, pois é conseqüência das outras.
Em média, uma mulher tem para falar aproximadamente 25 mil palavras por dia, enquanto que a média dos homens raramente supera a 10 mil palavras! Sendo assim, vemos que a maioria dos homens utiliza suas 10 mil palavras no trabalho durante o dia e, quando chega em casa, sua esposa ainda está no início das suas.
Também se conclui, que, de forma geral, os homens conversam sobre assuntos mais racionais, fatos, acontecimentos, negócios, etc. e as mulheres, sobre assunto mais emocionais, compartilhando seus sentimentos, tristeza e alegrias. Se não houver a compreensão desse fato, a comunicação pode ser seriamente afetada. Cabe acrescentar aqui que, uma área que os homens precisam de ajuda, é quanto a compartilhar emoções, sentimentos, sonhos e frustrações com suas esposas.
O estudo e a observação de seu cônjuge são tarefas que perduram por toda vida. Como indivíduos, somos seres dinâmicos. Se aplicarmos os princípios de “um ao outro” em nossos casamentos, será possível desenvolvermos cada dia os princípios chaves de relacionamento: “amai uns aos outros”; “honrais uns aos outros”; “perdoai uns aos outros”; “considerai uns aos outros superiores a si mesmo”; etc.
Que Deus nos ajude em nosso mútuo caminhar!
Você tem conversado com seu cônjuge e ouvido o que ele tem para falar? Você respeita as características individuais do seu cônjuge?

PENSE NISSO
Material Grátis
Disponibilizamos este material para servir de apoio  para os grupos de casais das igrejas.
Apostilas vários temas:  Quero mudar meu cônjuge Comunicação  no Casamento,  Decisões importante para o seu casamento 
Todas  em Slide
Peça pelo site:  
http://ministeriodecasaisamovc.com/
Pr. Zaqueu Marlene & Pra. Marlene Medeiros


Alguns relacionamentos estão chegando ao fim sob a alegação de incompatibilidade de gênio (temperamento), é a desculpa mais comum que ouvimos nos dias de hoje. Todo ano no Brasil, de um em cada seis casamentos termina em divórcio. De acordo com o IBGE, cerca de 75% dos rompimentos ocorrem após o quarto ano do casamento (Fonte: Carta Viva – março/2002 – IURD).
Os brasileiros estão desfazendo “legalmente” os casamentos em números crescentes. De 1993 a 2003, as separações saltaram de 87.885 para 103. 529; e os divórcios de 94.896 para 138.676. Do mesmo modo a idade média em que ocorrem os divórcios subiu (Fonte: jornal O GLOBO de 22 de Dezembro de 2004). 
O que ocorreu com estes casais é que por eles não servirem a Deus do mesmo modo não tiveram a ajuda do Espírito Santo para regar em seus corações a semente do amor, para que a cada dia, mês e ano ela fosse crescendo até se transformar em árvore frondosa. 
E o trágico final de seus relacionamentos revela que eles nunca se amaram, pois o amor jamais acaba, tudo sofre, crê, espera e suporta, as muitas águas não podem afogá-lo. 
O amor conduz a cada um dos cônjuges a buscar em Deus o controle emocional e psicológico em prol de não agradar a si próprio, mas para agradar ao seu cônjuge. Se cada uma das partes se investirem deste sentimento, com certeza o relacionamento fluirá compativelmente.
Nenhum temperamento é melhor do que o outro como muitos pensam, pois ambos os temperamentos possuem o lado positivo e negativo, virtudes e defeitos e é comum encontrarmos pessoas que se acham satisfeitas com o lado negativo e defeitos de seus temperamentos, dizem: Eu sou assim e não vou mudar. 
Você pode não conseguir compreender, mas às vezes é prejudicial ser introvertido ou superintrovertido, extrovertido ou superextrovertido, se não identificarmos os nossos defeitos. Cada possuidor de um destes quatro temperamentos acha virtuosa a sua maneira de ser e agir, dirigidos pelos defeitos de seus temperamentos.
Com relação ao relacionamento conjugal, o lado negativo do temperamento pode atrapalhar em primeiro lugar quando a toda hora é apontado por ambos ou um dos cônjuges com relação ao outro. 
Acusando o seu cônjuge, mostrando-lhe o seu defeito, nunca será um remédio eficaz para se controlar, curar, ou até mesmo extinguir a falha, mas sim sendo compreensivo (a), ajudando, conduzindo e orientando-o a buscar ajuda do Espírito Santo para controlar este lado negativo do temperamento. E em segundo lugar quando o seu temperamento causa atritos com o seu cônjuge e você não faz nada para mudar.
Não existe pessoa que só tenha defeitos, nem tão somente virtudes, todos têm os erros e acertos, mas a tendência humana é a de sempre olhar para as coisas negativas. 
Conta-se uma história de um cão que fora atropelado e esmagado em via pública por um veículo de carga, e todos que passavam e atravessavam a pé aquele trecho, olhavam aquela cena e num ato de reprovação balançavam a cabeça, mas no meio daquela multidão que ia e vinha, um senhor de avançada idade contemplava admirado e sorridente aquele monte de carniça, causando perplexidade em todos. Alguém da multidão se projeta a ele e pergunta: Como pode o senhor demonstrar tanta admiração por um monte de carniça? Pelo que o mesmo respondeu: Não, eu não estou admirando a carniça, mas os dentes deste cão. Olha que lindos dentes ele tinha!!! 
Quem dera se todos nós pudéssemos fazer como este senhor e contemplarmos as virtudes de nossos cônjuges e eles as nossas e mutuamente ignorássemos os defeitos, como já disse: Ninguém é demasiadamente perfeito que nunca erre, portanto, deixa de ser omisso(a) ao teu relacionamento, administre-o, busque a Deus com o teu cônjuge, para que vocês possam chegar a unidade sentimental, pois é através da oração que as diferenças são tiradas e não por meio de brigas, insultos ou separações.
É interessante quando Deus nos permite adquirirmos experiências com os defeitos de nosso próprio temperamento (é comum cada pessoa conter mais de um temperamento ao mesmo tempo), então é o momento de enxergarmos como somos tão prejudiciais às outras pessoas que nos cercam e que nós amamos (embora o nosso temperamento nos leve a agir de maneira contrária a este amor).
Somos tão egoístas a ponto de não assumirmos o lado negativo do nosso temperamento, e quando você tem um defeito por virtude, dificilmente o entrega ao Espírito Santo, para que Ele possa te controlar e avivar em ti os frutos do Espírito que subjugam os frutos da carne. 
Infelizmente existem pessoas que nunca terão os seus temperamentos controlados pelo Espírito, pelo fato delas mesmas terem os seus defeitos por virtudes e não desejarem se desfazer deles, mas tu, hoje em nome de Jesus, vai passar a reconhecer as tuas falhas, como você tem sido tão mesquinho e egoísta, e odiar este lado tão nocivo ao teu relacionamento.
Este é o sentimento que tenho hoje dentro de mim, o de me deixar ser transformado pelo poder do Espírito Santo, nos defeitos do meu temperamento que já afastaram e me fizeram perder muitas coisas e pessoas que eu amava. Que esta transformação seja realizada a cada dia em nós, em nome de Jesus e para glória de Deus Pai.
Com base no livro Temperamentos transformados de TIM LAHAYE, editora Mundo Cristão, destacamos quatro tipos de temperamentos:

1- MELANCÓLICO - Voltado para dentro, temperamento introvertido. Ex: Moisés – Ex 6.12.
1.1-Virtudes: Dedicado, habilidoso, sensível, idealista, minucioso.
1.2- Defeitos: Egoísta, confuso, pessimista, anti-social, critico, vingativo, inflexível, amuado, teórico.
2- FLEUMÁTICO – Voltado demasiadamente para dentro, temperamento superintrovertido. Ex: Ana – I Sm 1.7,13, 15,16.
2.1-Virtudes: Calmo, tranqüilo, cumpridor, eficiente, conservador, prático, líder, diplomata, bem-humorado.
2.2- Defeitos: Calculista, indeciso, desconfiado, contemplativo, desmotivado, temeroso, pretensioso.
3- COLÉRICO - Voltado para fora, temperamento extrovertido. Ex: Paulo - Gl. 2.11,14 – At 23.2-5.
3.1- Virtudes: Eficiente, decidido, otimista, líder, prático, independente, audacioso, resoluto, enérgico. 
3.2- Defeitos: Iracundo, intolerante, astucioso, auto suficiente, vaidoso, impaciente, sarcástico, prepotente, insensível.
4- SANGÜÍNEO - voltado demasiadamente para fora. Temperamento superextrovertido. Ex: Pedro - Jo 18.10,11; Sansão – Jz 14.1-3 e 16.1.
4.1- Virtudes: Crédulo, simpático, destacado, comunicativo, afável, compreensivo, companheiro, entusiasta.
4.2- Defeitos: Inseguro, impulsivo, barulhento, exagerado, volúvel, egocêntrico, indisciplinado.
Se auto-analise e identifique em que tipo de temperamento você se encaixa e os defeitos dele que tem atrapalhado o bom relacionamento com o teu cônjuge (a palavra de Deus diz: Examine-se o homem a si mesmo) e procure consertar-se com a ajuda do Espírito Santo.
Muitos estão esperando conhecer um (a) companheiro (a) que venha se encaixar no perfil de seus sonhos em todos os sentidos e muita das vezes não é assim, no período de namoro, um dos envolvidos percebe que há muita diferença entre os dois, esta diferença não pode ser considerada o bastante para se desfazer o namoro, pelo contrário, eu considero uma grande oportunidade para se provar o amor de um para com o outro, pois este é o momento de se negar (não é se anular), se dedicar, se esforçar mutuamente para se chegar ao nível que ambos se sintam agradáveis um ao outro. 
Relacionamento conjugal exige um sentimento de renúncia e só renuncia quem ama. Por amor Jesus renunciou a sua glória, fazendo-se em forma de homem, morrendo numa cruz - Fl.2:5-8. 
Importante ressaltar que Jesus renunciou, mas não deixou de fazer a vontade de Deus, cuidado para você não renunciar o teu ministério por causa de um relacionamento, Deus jamais te dará algo que te fará sair do objetivo Dele na tua vida, mas sim para te ajudar a permanecer, portanto administre o teu tempo para cuidar do teu ministério e do teu relacionamento, para que Deus não retire de ti a tua benção.
Dificilmente encontramos um casal que se encaixe em tudo, mas eles podem conseguir este intento, renunciando as coisas de menos importância e ligadas a este mundo e “prosseguindo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus” - Fp. 3:14.
Se teu relacionamento no período de namoro (conhecimento) estiver cheio de oscilações e não tiver pecado sexual e você não consegue colocá-lo no ponto e nem há renuncia de ambas as partes, saia dele, pois muitas das vezes a dificuldade vem por este relacionamento não ser a vontade de Deus para tua vida, ore e peça direção a Deus e então tome, guiado por Ele a DECISÃO CERTA .
Fonte:http://mulheresabias.blogspot.com.br/2010/07/relacionamento-conjugal-se-edifica-
Como Deus Cura Feridas!!
Salmo 42:1 a 3: “Como suspira a corça pelas correntes das águas, assim, por ti, ó Deus, suspira a minha alma. A minha alma tem sede de Deus, do Deus vivo; quando irei e me verei perante a face de Deus? As minhas lágrimas têm sido o meu alimento dia e noite, enquanto me dizem continuamente: O teu Deus, onde está?”
Todos nós temos, em nosso corpo, marcas Raiz de amargura que contamina, às vezes, passa de geração para geração. Há famílias inteiras contaminadas com raiz de amargura, com perturbação. O Pai contaminou o filho. O filho contaminou o neto. O neto contaminou o bisneto; e são famílias amarguradas. São famílias que não conseguem ser felizes.
Quem já passou dissabores e decepções com pessoas próximas, sabe o que significa 
Trair é uma maldade. Também. Se o cônjuge traído sempre foi fiel e fica sabendo da situação, instala-se uma dor de difícil cura. Abre-se uma ferida cheia de “pus” de ódio, tristeza, estranheza, sensação de estar casado agora com um inimigo, “sangra” muito. O que era íntimo, fica afastado; o que era confiável, fica desconfiado; o que era amigo, parece inimigo; o que era conhecido, fica estranho.
Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas em mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei pela salvação da sua face”. Salmos 42:5
“Porque assim diz o alto, o sublime, que habita a eternidade, o qual tem o nome de Santo: Habito no alto e no Santo Lugar, mas habito também com o contrito e abatido de espírito, para vivificar o espírito dos abatidos e vivificar o coração dos contritos”.Is. 57:15.
EXISTE CURA PARA ALMA DOENTE!
“É Ele que perdoa todos os seus pecados e cura todas as suas doenças.” Sl 103.3
“Só ele cura os de coração quebrantado e cuida das suas feridas.” Sl 147.3

I. Existem dois grupos de doentes da alma:
1. Os que admitem; 
2. Os que ignoram;
Deus Ele tem o remédio certo para nos curar.
Três coisas devem-se fazer:
• Entender a dor.
• Expressar através do desabafo. (Jeremias 17:14) “cura-me”.
• Resolver através da forma correta. Requer-se espera ou ação, deve-se pedir a direção, a intervenção de Deus e com os olhos da fé, crer na vitória.